Quem pode participar do Prêmio?

Podem participar arquitetos, escritórios de arquitetura ou coletivos de arquitetos.


Há alguma restrição de idade?

Não, arquitetos de todas as idades podem participar do Prêmio desde que estejam dentro das outras condições do edital.


Apenas brasileiros podem participar?

Não, podem participar brasileiros e estrangeiros residentes no país há pelo menos dois anos, ou seja, residentes no Brasil, pelo menos, desde 1 de janeiro de 2016.


Quem não pode participar do Prêmio?

Não podem participar:
Pessoas que não se formaram em Arquitetura e Urbanismo;

  1. Arquitetos que não possuem o CAU;
  2. Arquitetos estrangeiros residentes no país há menos de dois anos, (ou seja, residentes no Brasil, a partir de 2 de janeiro de 2016);
  3. Membros do Júri da presente edição do Prêmio;
  4. Membros do Comitê de Indicação da presente edição do Prêmio;
  5. Parentes de até 2º grau dos membros do júri;
  6. Funcionários do Instituto Tomie Ohtake;
  7. Parentes de até 2º grau dos funcionários do Instituto Tomie Ohtake;
  8. Funcionários da AkzoNobel;
  9. Parentes de até 2º grau dos funcionários da AkzoNobel;

Entre outros casos não descritos acima que não se adequaram às normas do edital.


Quais projetos podem ser inscritos?

Podem ser inscritos os projetos que estiverem concluídos no momento da abertura das inscrições. Esses projetos devem ter sido construídos nos últimos dez anos, ou seja, entre 1 de Janeiro de 2008 e o momento da abertura das inscrições do Prêmio.
São considerados projetos de arquitetura concluídos, aqueles que já tiverem passado pela realização da obra e estiverem em uso, mesmo que em caráter experimental.


Quais tipos de projetos serão aceitos?

Quanto à característica do projeto, podem participar projetos de edificações novas, reformas ou reciclagem de espaços públicos e privados, edificações preexistentes, equipamentos públicos e edificações temporárias ou desmontáveis, entre outros.


Quais são as informações solicitadas na ficha de inscrição?

As informações solicitadas no cadastro são:
Dados do arquiteto proponente:
Nome, data de nascimento, nacionalidade, gênero, se possui algum tipo de deficiência, se necessita de algum recurso específico, CEP, UF, cidade, endereço completo, telefone, e-mail, instituição de formação, ano de conclusão do curso, n° CAU, RG, CPF, como ficou sabendo do prêmio.

Quais arquivos devo anexar ao meu cadastro?
O proponente deverá obrigatoriamente anexar ao cadastro:
DOCUMENTOS DO ARQUITETO PROPONENTE
Arquivos (em formatos JPEG, PNG ou PDF) contendo: documentos digitalizados relativos ao arquiteto proponente: RG , CAU e CPF.

Dados do projeto:
Tipo de inscrição (individual, escritório, coletivo), nome do projeto, nome escritório ou coletivo (se houver), equipe – autores, colaboradores e funções (se houver), autoria de projetos complementares (se houver), tipo de projeto (residencial, comercial, misto, institucional, infraestrutura, outros), localização do projeto, finalização da obra.

Qual arquivos devo anexar ao projeto?
Um arquivo (em formato PDF) de até 30 MB (trinta megabytes), contendo: até três pranchas síntese, formato A3 (420mm X 297mm), na orientação “paisagem”, com os elementos gráficos suficientes para a caracterização e apresentação do projeto, podendo incluir: desenhos técnicos, perspectivas, maquetes, fotografias (obrigatório), esquemas explicativos, texto de apresentação do projeto (obrigatório), informações acerca do projeto (localização, implantação).


Posso enviar arquivos em outros formatos que não os indicados?

Não. O sistema não aceitará materiais ou documentos em formatos, tamanhos e duração diferentes daqueles indicados.


Posso separar as pranchas em mais arquivos?

Não. Aceitaremos apenas um arquivo contendo até três pranchas com as informações indicadas.


Posso inserir o nome dos autores e colaboradores nas pranchas?

Sim. É opcional a inserção do nome dos autores e colaboradores do projeto.


Posso inserir o logo do escritório nas pranchas?

Sim. É opcional a inserção do logo do escritório proponente nas pranchas síntese.


Como saber se minha inscrição foi concluída?

Após o preenchimento dos formulários e envio dos arquivos obrigatórios, o candidato receberá um e-mail de confirmação da inscrição por projeto submetido.


Posso alterar/editar os conteúdos da minha inscrição?

Sim, será possível consultar e alterar/editar as informações do projeto inscrito até o final do prazo de inscrição. Após essa data, não será mais possível acessar ou modificar a inscrição. Lembre-se que o sistema não salva automaticamente as informações incluídas. Sempre que fizer alterações você deve clicar em “salvar alterações” e as alterações serão salvas no nosso sistema.


O que acontece se houver congestionamento na plataforma de inscrição?

O Instituto Tomie Ohtake não se responsabiliza por inscrições que não sejam concluídas nas últimas horas da data-limite, mesmo se houver congestionamento do sistema. Sendo assim, antecipe sua inscrição e não deixe para finalizar a inscrição na última hora.


Posso participar com mais de um projeto concorrente?

Sim, cada proponente pode participar com até 5 projetos.


Quantos projetos serão selecionados para a exposição?

O júri selecionará até dez projetos para a exposição, que será realizada no Instituto Tomie Ohtake.


Como será feita a seleção dos projetos premiados e os selecionados para a exposição?

O júri irá analisar os materiais enviados pelos proponentes e escolher até dez projetos para participarem da exposição que será realizada no Instituto Tomie Ohtake, bem como os três projetos premiados.


Dúvidas?

Mais informações e esclarecimentos adicionais podem ser encaminhados para o Instituto Tomie Ohtake, pelo email premiodearquitetura@institutotomieohtake.org.br.